Minutos de Sabedoria

A melhor distância para morar longe da Sogra é aquela que ela não possa chegar de pantuflas nem chegar com uma mala!
Sogras morrem no Butantan PDF Imprimir E-mail
Escrito por Eduardo Genro   
Sáb, 15 de Maio de 2010 14:07

SÃO PAULO - Um incêndio atingiu nesta manhã o laboratório de répteis no Instituto Butantan, na Avenida Vital Brasil, Zona Oeste de São Paulo. No local estava um dos maiores acervos de cobras, aranhas e escorpiões para pesquisas do mundo. Mais de 70 mil espécies conservadas em formol foram queimadas. Ninguém ficou ferido.

O laboratório, de 660 metros quadrados, tinha 100 anos. O fogo teve início às 7h30m e foi controlado no meio da manhã. Os animais vivos, entre eles várias espécies de cobras e aranhas, estavam em um outro local e não foram atingidos.

- O incêndio foi confinado numa área interna, uma pequena edificação de difícil acesso. Os bombeiros tiveram de ser cautelosos, pois havia o risco do teto desabar - diz o capitão Miguel Jodas, do Corpo de Bombeiros.

No laboratório, segundo os bombeiros, a quantidade de álcool e formol aumentou a intensidade das chamas. Nove viaturas do Corpo de Bombeiros foram enviadas para o local.

Os animais, já mortos, eram conservados em formol. No local estava o maior acervo de cobras do país.

- Eram 77 mil cobras tombadas, mais umas 5 mil para tombamento. Todo o conhecimento do Brasil estava aqui, são 100 anos de história - diz Francisco Franco, curador da coleção.

As causas do incêndio ainda são desconhecidas. Por conta do incêndio, o instituto deve ficar fechado neste fim de semana.

 

Fonte: http://moglobo.globo.com/integra.asp?txtUrl=/cidades/sp/mat/2010/05/15/incendio-atinge-laboratorio-do-butantan-destroi-maior-acervo-de-cobras-do-brasil-916591673.asp